Polícia
Polícia

Polícia (24)

Após denúncias de que havia um homem dirigindo embriagado, colocando em risco a vida de outras pessoas, a Polícia Militar de Campo Novo precisou atender uma ocorrência no centro da cidade, durante a manhã deste sábado (23), por volta das 8 horas.

Segundo informações registradas em Boletim de Ocorrência, Airton Wagner, 33 anos, estava conduzindo uma Montana, andando na contramão em várias ruas e avenidas. Aparentemente o motorista parou a pick-up em plena avenida Rio Grande do Sul e por ali ficou.

As autoridades policiais foram até o local, encontraram o veículo atrapalhando o trânsito, estacionado de forma errada. Para a surpresa dos militares, ele estava dormindo no banco do motorista com o motor do veículo ainda ligado.

Imediatamente um policial desligou o veículo para evitar qualquer incidente. Ao verificar o interior da Montana, os militares encontraram várias latas de cerveja. Segundo informações registradas no B.O, o homem estava com forte odor etílico. Ao ser acordado, foi verificado que ele estava com os olhos avermelhados, dificuldade motora, mal conseguia ficar em pé e o odor etílico na fala.

Ele foi conduzido imediatamente para a Delegacia de Polícia Civil, onde ficará à disposição das autoridades para as medidas cabíveis quanto ao caso.

PM/MT

a68871744add80b4edc2ad9dba4e0979

Assaltantes invadiram uma loja de eletrodomésticos em Várzea Grande, na região metropolitana de Cuiabá, nesta quinta-feira (25), e fizeram dois reféns durante a ação. Segundo a Polícia Militar, três ladrões estavam saindo do estabelecimento no momento em que a polícia chegava e voltaram para a loja.

Ninguém ficou ferido na durante a ação dos bandidos. Os nomes dos presos não foram divulgados.

De acordo com a PM, os ladrões exigiram a presença da imprensa e dos familiares deles como condição para se entregaram. A negociação foi feita por quase uma hora.

Com eles, a polícia apreendeu um revólver e uma arma de brinquedo.

A polícia suspeita que os bandidos levariam aparelhos de celular e dinheiro para bancar o uso de drogas.

Os três foram levados pela Força Tática para a Central de Flagrantes. A polícia suspeita da participação de um quarto assaltante que é procurado.

G1/MT

whatsapp-image-2019-02-21-at-15.23.44

Uma mulher de 25 anos foi presa nesta quarta-feira (20), em Rondonópolis, a 212 km de Cuiabá, suspeita de participar de uma tentativa de latrocínio contra um casal de idosos. Vânia Lemes de Alcântara foi presa em flagrante minutos depois do crime cometido com a participação de uma travesti, que está sendo procurada pela polícia.

A tentativa de roubo seguido de morte ocorreu na oficina de eletrodomésticos das vítimas, no Bairro Vila Aurora.

Logo após o crime, a equipe do Grupo Armado de Resposta Rápida (Garra) da Polícia Civil recebeu denúncias de que uma mulher e uma travesti eram as autoras da tentativa de latrocínio.

As suspeitas utilizaram facas para ameaçar as vítimas. As facas foram encontradas dentro do estabelecimento comercial para praticar o roubo.

Uma das vítimas ficou com a mão ferida ao tentar se proteger de uma facada. Em seguida, a travesti cortou o pescoço da vítima com um caco de vidro.

As testemunhas informaram as características das suspeitas, o que ajudou a polícia a prender a suspeita. Ela foi reconhecida pelas vítimas como uma das envolvidas no roubo.

A suspeita foi conduzida para a Delegacia de Rondonópolis e autuada em flagrante por tentativa de latrocínio.

TVCA

suspeita-rondonopolis-1-

O ex-cabo da Polícia Militar Hércules de Araújo Agostinho, condenado pela Justiça a cumprir mais de 160 anos de prisão por vários assassinatos, entre eles o do empresário Sávio Brandão, dono do jornal Folha do Estado, em 2002, tentou fugir da Penitenciária Central do Estado (PCE), em Cuiabá.

Os agentes descobriram nesta quinta-feira (21) que as grades estavam serradas, durante vistoria na cela, segundo a Secretaria Estadual de Segurança Pública (Sesp). A equipe de contenção foi até o local depois de receber informações de que o preso planejava fuga.

Na vistoria foram identificadas que partes da grade de entrada da cela e o solário, com algumas barras serradas.

O preso se alterou no momento da vistoria e partiu para cima dos agentes penitenciários fazendo ameaças. Conforme a Sejudh, foi necessário conter o preso.

Após a vistoria, Hércules foi levado à assessoria jurídica da unidade para dar explicações. A declaração dele será encaminhada à Polícia Civil.

O ex-policial será transferido de cela na PCE.

Hércules cumpria pena no Presídio Federal de Mossoró (RN) antes de ser transferido para a PCE, em março de 2018.

Ele foi preso em 2002 e, no ano seguinte, fugiu desse mesmo presídio e passou quatro meses foragido, até ser recapturado em Rondônia.

Os crimes

Os primeiros crimes ocorreram em 1999 e 2000 e vitimaram os irmãos Brandão Araújo Filho e José Carlos Machado Araújo.

Entre as condenações do ex-cabo da PM também estão os assassinatos do empresário Rivelino Jacques Brunini e Fauze Rachid Jaudy, além da tentativa de assassinato do pintor Gisleno Fernandes, em junho de 2002, na capital. Na ocasião, Hércules confessou ter assassinado Brunini a mando do ex-bicheiro João Arcanjo Ribeiro.

Ele também foi condenado pela execução do empresário e dono de um jornal da capital, Sávio Brandão, em setembro de 2002, crime que o ex-policial também confessou à Justiça. O crime também foi encomendado por Arcanjo.

G1/MT

whatsapp-image-2019-02-21-at-14.37.00

Agentes da Polícia Federal estão em Tangará da Serra desde ontem (terça,19) para cumprir mandados de prisão, busca e apreensão contra criminosos ligados ao tráfico de drogas. A “Operação Lagoa Verde” busca desarticular uma organização criminosa de forte atuação no tráfico internacional e com bases em Mato Grosso e São Paulo.

O nome da operação tem origem no termo usado pelos criminosos sobre a quantidade de dólares que era enviado para Bolívia em troca do entorpecente. A reportagem do Bem Notícias tentou levantar mais informações junto aos agentes, mas eles mantiveram o silêncio sob alegação de necessidade de sigilo. “Nossas instruções chegam lacradas até nós”, disse um dos agentes, que estava na Delegacia Regional da PJC, em Tangará da Serra.

Droga apreendida em mata pela polícia gerou conflito entre traficantes e tentativa de execução após tortura (Foto: Assessoria)

Em Mato Grosso são, ao todo, 18 mandados de prisão, busca e apreensão expedidos pela 1ª Vara da Justiça Federal de Cáceres, município que está incluído na ação, assim como Tangará da Serra, Mirassol D’Oeste, Nova Xavantina e Sinop.

Além da Polícia Federal, a operação conta com o apoio do Grupo Especial de Fronteira (Gefron). Nas ações, duas apreensões de entorpecente foram realizadas em Tangará da Serra e Itauçu (GO). Em uma das apreensões, a PF e o Gefron localizaram 128 kg de droga que estavam escondidos numa área de mata de uma fazenda em Tangará da Serra.
Leia mais:  Seges abre inscrição para turma de treinamento funcional
 

A apreensão gerou clima violento entre os próprios traficantes, cujos líderes turturaram um integrante do grupo depois que policiais apreenderam um carregamento de droga. Como não houve prisões nem divulgação da apreensão, os traficantes atribuíram o sumiço da droga a um membro da quadrilha. OS agentes policias da PF e do Gefron, porém, interferiram e impediram que essa pessoa sequestrada fosse torturada até a morte, realizando a prisão dos torturadores.

Entorpecente vinha da Bolívia escondido em pneus dos carros usados pelos traficantes (Foto: Assessoria)

A droga tem origem na Bolívia. Os agentes federais e o Gefron acompanharam um veículo que transportava a droga desde a entrada no Brasil, que ocorreu por Vila Bela da Santíssima Trindade, até a cidade goiana de Itauçu, onde foi realizado o flagrante no momento da entrega do entorpecente.

A droga estava escondida nos quatro pneus do veículo. Na ocasião, os transportadores da droga e os compradores foram presos. Os veículos da organização eram preparados para o transporte da droga por um integrante residente em Cáceres que foi preso na operação.

Uma mochila, contendo uma porção considerável de maconha, foi encontrada no Conselho Tutelar de Tangará da Serra na última segunda-feira (18). A bolsa seria de um adolescente, identificado como F.C.S.M. de 17 anos.

O jovem teria deixado o local em direção a Casa do Adolescente. Os próprios funcionários, encontraram a droga na mochila e acionaram a Polícia Militar.

 

Segundo a PM, o menor foi localizado na Casa do Adolescente e encaminhado à Delegacia da Polícia Civil. Com ele foram apreendidos, além da droga, dois celulares e uma Carteira de Trabalho.

Por: Pedro Miranda

01

O corpo do agrônomo Silas Henrique Palmieri Maia, de 33 anos, foi trasladado, por volta das 13h, de avião que decolou de Juara (300 km de Sinop) e seguiu para cidade de Paranaíba-MS (400 km de Campo Grande), onde residem seus pais. De acordo com a funerária Bom Jesus, a previsão é chegar logo mais no início da noite. Ele foi assassinado em um restaurante, em um distrito de Porto dos Gaúchos (246 km de Sinop), ontem no início da tarde.

Esta manhã, o delegado da Polícia Civil, Carlos Henrique Engelmann, confirmou, em entrevista, ao Só Notícias, que o assassinato de Silas Henrique (foto) foi motivado por um desacordo comercial entre ele e o suspeito. “Nós temos a prova do homicídio (imagens da câmera de segurança). Essa é a principal materialidade do crime. Agora vamos qualificar o autor que está bastante definido. Ainda não temos conhecimento se ele é conhecido do meio policial. Já conversamos com familiares dele e os advogados já entraram em contato. Do outro lado, temos as circunstâncias do crime que foi motivada por um desacordo comercial. Uma determinada dívida que ainda não sabemos o valor, nem quem devia”, explicou.

“Para polícia, o caso está praticamente resolvido. Estamos instaurando um inquérito policial, coletando a materialidade, as cápsulas que foram recolhidas, exame pericial da necropsia, do local do crime e vamos ouvir as testemunhas”, afirmou Engelmann acrescentando que o assassino deve se entregar nos próximos dias. “Segundo os advogados, ele será apresentado para ser interrogado. Isso ainda está em negociação e deve ocorrer nos próximos dias. Vamos esperar para ver se isso realmente vai ocorrer. Ontem, um advogado da família sinalizou essa entrega na delegacia para contar sua versão dos fatos”.

A câmera de segurança registrou a execução de Silas, que estava sentado em uma mesa com outro homem. O assassino, de camisa azul, usando boné e óculos de grau, chegou pelas costas dele e tocou seu ombro. Silas se move para ver quem era, é executado a queima-roupa com tiros nas costas impossibilitando que ele pudesse se defender. Ele morreu na hora. O colega, que estava com ele, na mesa, correu quando o assassino começou a atirar com revólver. Silas foi morto após ter saído de uma fazenda e a polícia apura se o assassino seguiu ele até o local onde almoçaria e o executou.

Ele estudou agronomia na Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), em Cassilândia e estava formado há 8 anos. Estava namorando, não tinha filhos, morava há seis anos em Sinop e trabalhava em uma empresa de insumos agrícolas como consultor de vendas.

Em nota, a  Associação dos Engenheiros Agrônomos de Sorriso repudiou o assassinato e manifestou pesar.

12670422_942295065889918_8330284712121702110_n-960x556 7-7

Só Notícias/Cleber Romero (foto: arquivo pessoal)

Um acidente entre carro e motocicleta deixou duas pessoas feridas, por volta das 17h30, desta segunda-feira (18), no bairro Tarumã.

Segundo informações de testemunhas o veículo seguia pela rua 24, quando ao cruzar a rua 130, foi surpreendido pela motocicleta que atravessou a via preferencial. Com o impacto o piloto e passageiro foram lançados ao chão. Socorridos pelo SAMU, o condutor apresentou suspeita de fratura, na perna em dois locais e bacia. Já a segunda vítima, fraturou o punho esquerdo.

As vítimas que não tiveram as identidades reveladas, foram encaminhadas a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), para novas avaliações médicas. O motorista do carro não se feriu.

Bem Noticias

Segundo informações preliminares o motorista perdeu o controle da direção, e caiu no terraço lateral da via usado para escoamento de água, devido ao impacto, acabou tombando.

O motorista ficou preso às ferragens e o trabalho de socorro à vítima é realizado em conjunto pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e equipe do Corpo de Bombeiros. O resgate segue em andamento, em breve novas informações sobre a ocorrência.

Bem Noticias

01

Um taxista foi assassinado e teve o corpo encontrado ao lado do veículo dele na madrugada desta segunda-feira (18) em Nova Mutum, a 269 km de Cuiabá. Segundo informações de peritos, Wilton Cesar de Almeida, de 32 anos, foi morto com, pelo menos, 15 facadas pelo corpo.

O táxi foi encontrado abandonado no Bairro Edelmina Querubim, às 4h20. Nenhuma pessoa foi presa ou identificada suspeita de cometer o crime.

De acordo com a Polícia Civil, moradores ligaram para a polícia depois que encontram o táxi ainda ligado no meio da rua e com uma pessoa ensanguentada do lado de fora.

 

Peritos e policiais analisam o carro do taxista assassinado em Nova Mutum — Foto: Djeferson Kronbauer/Power Mix

Peritos e policiais analisam o carro do taxista assassinado em Nova Mutum — Foto: Djeferson Kronbauer/Power Mix

O carro foi achado com as portas abertas e Wilton estava caído, já sem vida. Testemunhas contaram à polícia que ouviram um barulho de buzina e em seguida perceberam que duas pessoas estavam no local.

Um deles teria dito ‘vamos jogar ele para fora e vamos ‘vazar’ logo’. A frase foi ouvida por essa testemunha. O crime será investigado pela Polícia Civil.

 

Wilton Cesar de Almeida foi assassinado em Nova Mutum — Foto: Facebook/Reprodução

Wilton Cesar de Almeida foi assassinado em Nova Mutum — Foto: Facebook/Reprodução

 

O perito Luciano Nogueira, da Perícia Oficial Técnica (Politec) de Sorriso, a 420 km de Cuiabá, afirmou à imprensa que o taxista tinha diversas marcas de facadas pelo lado esquerdo do pescoço, além de ferimentos nas costas e no peito.

Wilton teria sido atingido por, pelo menos, 15 facadas. O carro dele estava revirado, mas a polícia ainda não informou se alguma coisa foi levada ou não da vítima.

G1

Página 1 de 2

Sobre

  • A Rádio Super FM - 89,3 é a única no município de Campo Novo do Parecis, MT, que possui programação diferenciada, com um estilo próprio.

Fale Conosco

Avenida Mato Grosso - 2199-NE
Campo Novo do Parecis, MT 78360000
Brasil
+(65) 3382-2898
Mobile: +(65) 9 9624-2258
superfm893.com.br